CGE – Controladoria-Geral do Estado Santa Catarina

Justiça libera pagamento de R$ 44 milhões de acordo de leniência firmado pelo Governo do Estado com empresa de tecnologia

A Justiça Federal liberou os recursos para pagamento do acordo de leniência firmado em fevereiro pela Controladoria-Geral do Estado com a Neoway Tecnologia. Inicialmente o Governo do Estado receberá R$ 44 milhões. O valor considera os danos causados em 17 contratos firmados entre a empresa e seis órgãos e entidades do Poder Executivo entre 2007 e 2019 (objeto da Operação Hemorragia), além de multa.

O valor é parte dos R$ 50.606.147,9 anunciados em fevereiro. O restante, que vai ultrapassar essa quantia, principalmente em função da correção monetária (taxa SELIC), será depositado na sequência.

Para o Controlador-Geral do Estado, Cristiano Socas da Silva, a recuperação de uma quantia tão significativa aos cofres do Estado consolida a atuação da CGE na área de correição e reduz o sentimento de impunidade. “O fato só comprova a importância de uma estrutura específica para o combate à corrupção e para a responsabilização dos agentes envolvidos”, afirma. A CGE foi criada pelo governador Moisés, em 2019.

Socas destaca também a parceria com o Ministério Público Federal, que também firmou um acordo de leniência com a empresa, no final de março. “A integração dos órgãos de controle têm se mostrado muito salutar para agilizar processos e recuperar danos financeiros de fraudes cometidas contra a administração pública”.

As implicações do acordo não se encerram com a reparação dos danos financeiros. O Corregedor-Geral do Estado, Cícero Barbosa, explica que além do ressarcimento aos cofres públicos, uma das finalidades do acordo de leniência para o Estado é a alavancagem de provas. “A empresa apresentou inúmeros documentos que estão nos permitindo aprofundar as investigações para deflagrar processos sancionatórios em relação a pelo menos 13 empresas e 20 agentes públicos”, afirma Barbosa.

Sobre o acordo

O acordo de leniência com a Neoway Tecnologia, anunciado no dia 7 de fevereiro, é o primeiro da história do Governo do Estado de Santa Catarina. Criado pela Lei Anticorrupção, o instrumento jurídico busca facilitar e agilizar a investigação de crimes e fraudes de natureza civil e administrativa. O objetivo é recuperar prejuízos aos cofres públicos com mais rapidez.

Por meio do acordo de leniência, a empresa assume sua participação na fraude e se compromete a colaborar com a investigação, em troca de benefícios como redução de pena e multa, possibilidade de continuar contratando com a administração pública e de receber incentivos fiscais, entre outros.

Ao celebrar o acordo, a Neoway admitiu sua participação em atos ilícitos contra a administração pública e comprometeu-se em não mais cometer infrações, com a apresentação de um plano de integridade e compliance, que será acompanhado por três anos pela CGE. Caso os termos do acordo não sejam integralmente cumpridos, a empresa pode ser penalizada.

A negociação da CGE foi iniciada em 27 de janeiro de 2021, após proposta de acordo enviada pela empresa. Todo o processo foi coordenado pela Controladoria-Geral, com participação da Procuradoria-Geral do Estado. Foram realizadas 12 reuniões da Comissão de Negociação com a empresa, além de diversas trocas de correspondências e reuniões com auditores da CGU para atuar segundo as melhores práticas na área.

A denominada Operação Hemorragia se constitui na segunda fase da Operação Alcatraz e apura crimes de corrupção, fraudes em processos licitatórios e lavagem de dinheiro envolvendo empresários do ramo de tecnologia e agentes públicos.

Sobre a CGE – Criada pela Lei Complementar nº 741, de 12 de junho de 2019, a CGE é o órgão central do Sistema Administrativo de Controle Interno e de Ouvidoria do Poder Executivo. Subordinada diretamente ao Governador do Estado, tem a função de assessorá-lo na defesa do patrimônio público. O órgão é composto por quatro diretorias: Auditoria-Geral, Ouvidoria-Geral, Corregedoria-Geral e Diretoria de Integridade e Compliance.

Informações adicionais para imprensa:

Cléia Schmitz

Assessoria de Imprensa

Controladoria-Geral do Estado

E-mail: cschmitz@cge.sc.gov.br

(48) 3664-5651 / (48) 99128-1980

Site: www.cge.sc.gov.br

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support